Fale Conosco pelo WhatsApp
Sacola de Compras

* Calcule seu frete na página de finalização.

* Insira seu cupom de desconto na página de finalização.

Ferro Vegan da Apisnutri é um produto 100% vegano com selo da SVB (Sociedade Vegetariana Brasileira) produto produzido nenhuma influencia animal, agora no My Ikigai. Faça seu Pedido agora mesmo!
Apisnutri
Model: Vegan
Product ID: 202617
Product SKU: 202617
New In stock />
Suplemento de Ferro Vegan Apisnutri 60 Caps 280mg com SELO SVB

Suplemento de Ferro Vegan Apisnutri 60 Caps 280mg com SELO SVB

Lançamento
Marca: Apisnutri
Modelo: Vegan
Ref: 3721
Garantia: 7 dias após o recebimento do produto
Disponibilidade: Imediata
 
Simulador de Frete
- Calcular frete

O QUE É O SUPLEMENTO DE FERRO VEGAN APISNUTRI 60 Caps?

 

Como elemento principal que constitui a fórmula do Suplemento de Ferro Vegan Apisnutri 60 Caps, o ferro é um mineral encontrado em todos os seres vivos, o qual deve ser ofertado na alimentação constantemente, pois o ser humano não é capaz de produzir naturalmente e depende desse mineral para a regulação de toda a vida celular.

 

Conforme a fonte alimentar deste nutriente pode apresentar duas diferentes formas químicas que influenciam na sua absorção e aproveitamento da refeição: o ferro heme (Fe²+) que deriva de alimentos de origem animal (especialmente de carnes vermelhas e músculos por possuir mais proteínas hemoglobinas e mioglobinas que são formadas por ferro e são responsáveis pela coloração vermelha dessas carnes), fornecem 10% apenas da média da ingestão de alimentos fontes, porém, são mais absorvidos e aproveitados que o ferro não-heme (Fe³+), que por sua vez deriva de alimentos de origem vegetal (principalmente os vegetais verdes escuros como couve, espinafre, brócolis; e leguminosas como o feijão), fornece 90% da média da ingestão de alimentos fontes, mas em contrapartida possui menor absorção e aproveitamento no corpo.

 

Assim, o Suplemento de Ferro Vegan Apisnutri 60 Caps trata-se de um recurso alternativo para garantir a ingestão adequada deste mineral, com o diferencial da certificação de produto vegano aprovada pela SVB (Sociedade Vegetariana Brasileira), uma vez que possui formulação das cápsulas a partir da celulose (fibras vegetais), concentrando em uma única cápsula 100% da Ingestão Diária Recomendada (IDR) de ferro pela ANVISA a fim de facilitar o consumo regular, prevenindo dos malefícios causados na deficiência desse nutriente, destacando a anemia ferropriva e no prejuízo do crescimento, isto é, atendendo suas necessidades nutricionais para melhorar a saúde e qualidade de vida de forma natural e respeitando os direitos dos animais.  

 

PARA QUÊ SERVE O SUPLEMENTO DE FERRO VEGAN APISNUTRI 60 Caps?

 

O uso do Suplemento de Ferro Vegan Apisnutri 60 Caps é recomendado para qualquer indivíduo que não consegue atingir a necessidade de ferro pela alimentação, quadro de preocupação para a saúde pública de todo mundo.

 

A deficiência de ferro ocorre pela falta de alimentos fontes ou até por algumas interações alimentares que podem prejudicar sua absorção deste mineral, como a presença de fitato (componente de fibras alimentares), cálcio (leite e derivados são fonte), compostos fenólicos (presentes no café e chá preto p. exemplo) na alimentação, medicamentos antiácidos, ou ainda por uma demanda nutricional aumentada de acordo com a fase da vida.

 

Normalmente, a orientação de suplementação desse mineral é recomendada para tratar quadros de anemia ferropriva, períodos de gestação, lactação e fase de crescimento, além de vegetarianos e veganostambém ser frequente a necessidade devido ao estilo de vida não ingerindo o ferro de origem animal que é melhor absorvido e aproveitado pelo organismo, podendo ser necessário a suplementação quando a dieta não está balanceada.

Será que é verdade que vegetarianos e veganos apresentam maior risco de anemia ferropriva? Clique aqui e confira mais sobre o assunto no blog My Ikigai

QUAIS OS BENEFÍCIOS DO O SUPLEMENTO DE FERRO VEGAN APISNUTRI 60 Caps?

 

Devido à capacidade molecular do ferro de se ligar especialmente à três elementos: o oxigênio, nitrogênio e enxofre, contribui para as funções além da respiração celular pelo transporte de oxigênio, pois estes elemento são componentes fundamentais de proteínas corporais, dentre elas: enzimas (regulam o metabolismo), proteínas estruturais (como colágeno e elastina para o tecido conjuntivo da pele) hormônios e neurotransmissores (envolvidos no sistema nervoso) se destacam.

 

Ao ser ingerido, esse nutriente passa por uma conversão da sua forma de ferro para o estado ferroso durante sua absorção, para só então ser transportado até a circulação sanguínea, cujo se liga à proteína transportadora de ferro no sangue chamada transferrina e é distribuído aos demais tecidos que podem utilizar desse ferro ou simplesmente armazená-lo nas células, a grande maior parte do ferro é inserido em células vermelhas do sangue (eritrócitos ou hemácias), mas também nas células do sistema imunológico, nas do tecido hepático e para a formação também da mioglobina (proteína que armazena oxigênio nos músculos, semelhante às hemoglobinas de hemácias).

 

Os principais benefícios do ferro no organismo são:

 

Transporte de oxigênio: o ferro é utilizado para formar a proteína hemoglobina das hemácias do sangue, pois constitui especificamente cada estrutura heme da hemoglobina, importante pois é somente na presença de ferro que a hemoglobina gera afinidade com o oxigênio, afinal, o oxigênio se liga ao grupamento heme da hemoglobina para ser transportado pelo sangue, cada hemoglobina pode transportar 4 moléculas de oxigênio e considerando que cada hemácia produz cerca de 250 milhões de hemoglobina, cada hemácia é capaz de transportar aproximadamente 1 bilhão de moléculas de oxigênio, isto é, se houver a oferta devida de ferro para essa produção.

 

Proporciona a regulação de energia e metabolismo: uma vez capacitando o transporte de oxigênio e sua ampla distribuição, que por sua vez é indispensável para vida,  proporcionando a respiração celular aeróbica (dependente de oxigênio), cujo resulta em grande quantidade de ATP (energia que gera a possibilidade de ocorrer reações químicas no metabolismo), além do oxigênio formar incontáveis elementos biológicos participando das suas estruturas moleculares.

 

Prevenção de anemia ferropriva: a anemia é a diminuição dos níveis de glóbulos vermelhos ou hemoglobinas no sangue, podendo ter outras causas, mas quando a anemia é ferropriva a causa é pela falta de ingestão ou absorção de ferro, ou seja, deficiência de ferro, que resulta na não formação de hemoglobinas dependentes desse nutriente e responsáveis pelo transporte de oxigênio, causando inúmeros prejuízos à saúde.

 

Os principais sintomas são: fraqueza e mal-estar, perda de apetite, tonturas, diminuição de concentração e aprendizado, falta de ar e irritabilidade.

 

O tratamento ou prevenção dessa doença é por meio da ingestão adequada de ferro, por alimentação ou suplementação sob orientação médica ou nutricional.

 

Auxilia na funcionalidade do coração: tanto o excesso quanto a deficiência pode ser prejudicial para o coração. A ingestão em quantidades adequadas de ferro é importante para o bom funcionamento cardíaco, uma vez que o ferro constitui a mioglobina (presente nos músculos cardíacos) proporcionando oxigênio para as contrações musculares que regula o sistema circulatório e leva o sangue com oxigênio e nutrientes aos demais tecidos corporais, sendo que a anemia ferropriva é fator de risco potencial para o desenvolvimento da insuficiência cardíaca.

 

Favorece a fase de crescimento e desenvolvimento cognitivo: por agir na regulação do metabolismo proteico (essencialmente por ter afinidade com os componentes que formam as proteínas), o ferro contribui para as funções das proteínas no organismo, como ser componente estrutural de órgãos e tecidos, ser enzimas que auxiliam nas diversas reações bioquímicas, reguladoras do metabolismo energético, constitui neurotransmissores e hormônios do sistema nervoso e por aí vai, exemplificando a importância no desenvolvimento fetal, crescimento de maneira geral e toda a manutenção das células do organismo.

SUGESTÕES DE USO

 

Tomar 1 cápsula ao dia com auxílio de líquidos após de uma das principais refeições (preferencialmente almoço ou jantar), se atentar ao consumo conjunto com leites e derivados, café e chá, pois estes alimentos possuem substâncias que diminuem sua absorção (como o cálcio, fitato e compostos fenólicos).

 

RESTRIÇÕES

 

Consumo contraindicado sem a prescrição médica ou nutricional, pois excesso de ferro é extremamente prejudicial, podendo afetar diversos órgãos e tecidos, uma vez que o excesso de ferro no organismo pode ser armazenado nos tecidos - principalmente o fígado, pâncreas, coração e hipófise - e gerar danos por ser um metal altamente oxidativo capaz de formar radicais livres, resultando no estresse oxidativo e envelhecimento precoce.

 

Ainda, em casos extremos a alta concentração de ferro pode prejudicar particularmente o coração, danificando as células e funcionalidade cardíaca.

 

“Gestantes, nutrizes, crianças, idosos e portadores de enfermidades consumir este produto somente sob orientação de um médico ou nutricionista.”

O Ministério da Saúde adverte: Não existem evidências científicas comprovadas de que este alimento previna, trate ou cure doenças.

NÃO CONTÉM GLÚTEN.

Deixe seu comentário e sua avaliação







- Máximo de 512 caracteres.

Clique para Avaliar


  • Avaliação:
Enviar
Faça seu login e comente.

Características